MÁTRIA
de Alfredo Cunha

 

À semelhança de outros equipamentos culturais, a Galeria da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior disponibiliza online a exposição de um dos maiores e mais reconhecidos fotógrafos e fotojornalistas portugueses, Alfredo Cunha. Esta exposição foi alvo da pandemia Covid-19, com início, em território nacional, em março de 2020, o que comprometeu a sua duração enquanto patente na Galeria. Em alternativa, foi prontamente divulgada nos meios digitais e aqui permanecerá, ao alcance de todos.

 

“MÁTRIA” é uma seleção, da responsabilidade do próprio Alfredo Cunha, que reúne retratos de mulheres portuguesas e fotografias de reportagem sobre o quotidiano da mulher no mundo.

 

Foi com muito orgulho que a Junta de Freguesia de Santa Maria Maior recebeu, a partir de dia 9 de março, uma imperdível exposição de um dos maiores e mais reconhecidos fotógrafos e fotojornalistas portugueses.

Esta exposição é, pois, uma grande homenagem à mulher e a Junta de Freguesia de Santa Maria Maior associou-se desta forma - tão impressiva e simbólica - às comemorações do Dia Internacional da Mulher, que se assinala a 8 de março.

“MÁTRIA”, em associação com a Exposição - O Tempo das Mulheres de Alfredo Cunha, que esteve em exibição no Torreão Poente (Terreiro do Paço), reuniu o maior conjunto de fotografias dedicadas ao tema da mulher alguma vez exposto em Lisboa.

 

Para aqueles que não tiveram oportunidade de visitar esta exposição na Galeria Santa Maria Maior e para os que, tendo visitado, a querem recordar, assista a este pequeno filme.